quinta-feira, 9 de julho de 2009

Epilepsia Canina...

Olá Queridos(as),
Resolvi explicar um pouco o tratamento do meu frenchie epilético. Aliás descobri que a epilepsia dele é idiopática, ou seja, sem causa evidente. Define-se convulsão por uma atividade anormal do cérebro, desencadeada por um grupo de neurônios com cargas elétricas alteradas, denominado foco.
Em geral estão presentes sintomas como perda ou alteração de consciência e movimentos ou alterações musculares envolvendo todo o corpo ou somente parte dele.
Define-se por epilepsia o quadro clínico caracterizado pela repetição frequente dos episódios de convulsão.
Nome dele é Tyson tem 5 anos e tudo começou no aniver dele de 1 aninho... foi horrível.... pior ainda foi ter q consultar com muitos e péssimos veterinários que nada sabiam sobre a doença.
Foi num ato de desespero que ligamos para a UFRGS e pedimos um veterinário neurologista, a atendente prontamente indicou o maravilhoso Vet. Rodolfo Voll, baita profissional.
Ele então nos orientou e orienta até hoje, calculando dosagens e cuidando dele nas crises que costumam aparecer de tempos em tempos.
Depois de alguns ajustes de doses, sempre respeitando os horários de 12 em 12 horas.
Hoje ele toma fenobarbital 100mg, brometo de potássio 600mg.
O Veterinário Rodolfo Voll solicita exames de dosagem de fenobarbital, exames básicos e específicos no fígado que costuma ser sobrecarregado com tal medicação.
O que importa é que ele esta controlado e incrivelmente bem.
Comparando com outros cachorros não vejo diferença alguma, muito pelo contrário ele continua ativo como nunca.
Encontrei no site http://www.dogtimes.com.br/ uma matéria muito bacana sobre a epilepsia canina.
Entrem lá.
bj Cecília e Tyson.

66 comentários:

  1. Estou ou melhor estava desesperada até uns dez minutos...Minha cachorrinha "Ákita" sofre de epilepsia e a ultima crise (um total de 8 ataques em menos de duas horas) ficou internada em observação.Atualmente ela toma 150mg de gardenal de manhã e 200mg a noite mais o brometo de potássio.Eu acho muito!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Kátia, obrigada por dividir comigo a situação da tua cachorrinha. Antes de mais nada o choque que temos ao assistir a cena das convulsões, ainda é pra mim tenebroso.
    Só quem assiste sabe o que estou falando.
    Sobre o tratamento e a dosagem não me parecem muito altos não. O que tu podes ver com teu veterinário é solicitar a dosagem de fenobarbital dela.
    Kátia até onde eu sei existe uma proporção de peso e dose, porém o que realmente conta é o animal estar estável e dentro da normalidade. O Tyson quando esteve também internado tomava doses bem mais altas, e gradativamente fomos baixando até a dose atual.
    Portanto fique calma, é duro eu sei! Mas pelo que vi tua cachorrinha tem muita sorte, pq tem uma mãe que cuida muito bem dela!
    Continue o tratamento e sempre dê na hora certa. Olha eu passo por isso faz 4 anos, é doloroso, mas quando ele se estabiliza e volta a ser o nosso Tyson eu percebo que todo nosso envolvimento vale a pena.
    Conte comigo.
    bjkss Cecília

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho um poodle femeas de 10 meses e sofria demais com isso, Ela tbm tem epilepsia e tinha muitas crides de convulsão por dia , levava ela em varios veterinários e nada de melhora, até que encontrei Dra.Patricia de Lagoa Santa, que me passou o Brometo de potássio 210 mg por dia, o alcort 5mg uma vez ao dia tbm e o gadernal comp. metade 12:00 e metade 00:00, cuido muito bem deala e ela e outra cachorrinha ganhou peso não dá mais ataque e muito esperta, só tenho a a gradecer a Deus e a Dra.

      Excluir
    2. Minha cadela Rebeca tem hoje 11 anos e apresenta epilepsia desde os dois anos, demorei a encontra a dose certa do medicamento, só melhorou as crises após a castração, e a combinação de fenobarbital e brometo de potássio, mas tive a infeliz ideia de mudar de veterinário, que achou as dose de fenobarbital alta ela toma 100mg de manhã e 100mg a noite e há dois anos não tinha mais crises, diminui para 50mg e após 5 meses ela teve crise novamente, estou muito triste comigo mesma, me culpando. Agora estou tentando administrar novamente a dose até chegar a certa hoje dei 100mg de manhã , mas ela teve crise, agora a noite dei 150mg com brometo vamos ver amanhã. Estou arrasada. E sem graça de falar com o veterinário que acertou com ela , sobre a burrada que fiz. Obrigada e desculpa o desabafo.

      Excluir
  3. Olá! Também tenho um cãozinho, Odin, mais conhecido como Didi que tem epilepsia. Além do excelente tratamento recebido na Terra dos Bichos, ele também consulta com o Vet.Rodolfo Voll.Ele é um cãozinho muito alegre, carinhoso e querido!
    Loraine Scholz Gomes

    ResponderExcluir
  4. Olá Cecília! bom achar alguém para compartilhar esse momento difícil. De fato é mt triste ver os nossos amiguinhos sofrendo! A minha amada cachorrinha começou ater convulsão de uma hora para outra. Ela tem 11 anos e sempre foi muito sadia. Atualmente ela toma fenobarbital 50mg- 3/4 a cada 12 horas! porém ainda não acertamos na dose, pois as crises continuam, antes com intervalos de 12 dias, agora com intervalo de 6 dias. Estou muito preocupada, pois os exames deram normal e a veterinária não tá conseguindo acertar ..., agora vou tentar a acupuntura tb! um forte abraço,
    Cecília

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,olha só eu não sei o peso dela.Mas vc deve se informar sobre isso, pois o meu amadinho Duke tem 5 quilos e ja toma 15 gotas de 12 em 12 horas e agora esta a 15 dias sem convulsão.
      Venho nesta luta a meses e é normal vc iniciar com doses menores e ir aumentando conforme a necessidade do cão. Fale sempre com sua veterinária sobre o assunto. beijos e boa sorte

      Excluir
  5. Olá Cecília! sou eu a Cecília de Brasília.
    Bem...aumentamos a dose do Gardenal, pois a minha caachorrinha de 6 dias de intervalo, passou para 2, daí que quase fiquei louca. A médica então mandou dar 1 comprimido de 50mg a cada 12 horas. Também começamos com as sessões de acupuntura! Achei uma médica muito boa, então a minha cachorrinha faz 1 sessão por semana. Já percebi o resultado logo na primeira. No início será uma sessão por semana, e aos poucos vamos diminuir a quantidade de Gardenal. A médica alopata tb receitou Brometo de Potássio. Graças à Deus já estamos há 10 dias sem crise, espero que Nunca mais! UFA! Também tenho feito novenas e rezado um rosário todos os dias em intenção da saúde dela! Um forte abraço, Cecília- BSB!

    ResponderExcluir
  6. Olá! Sou a Daniela de Alfenas. Meu cachorro MAYLON(pinscher) tem 10 anos. Infelizmente começou a ter ataques, sendo 4 por dia. O Veterinário dele indicou fenobarbital 12,5mg a cada 12 horas. Ele começou a tomar dia 12/07. Estou muito preocupada, pois os ataques ainda continuam. Hoje o veterinário aumentou para 25mg de 12/12horas.
    Obrigada pelas informações, se DEUS quiser meu bichinho ficará bem.
    Daniela e Maylon

    ResponderExcluir
  7. Alguém pode por favor me descrever com é a crise convulsiva de um cachorro? O meu teve outras crises às 22:15, 01:10 e 6:10 da manhã. Estou muito preocupada com o MAYLON. Acho que a crise dele é bem diferente, é assim: ele começa a gritar e entorta para um lado dobrando a patinha da frente, isso é rapidinho, questão de minutos, depois ele fica tristeinho e fica inquiento. Aí depois fica normal. Alguém pode me ajudar, por favor! Ontem às 19hs aumentamos a dose para 25mg 12/12 horas. O estranho é que ele passa o da bem, feliz, brincando, latindo, mas a noite é só pegar no sono que fica agitado e tem as crises.
    Obrigada.
    Daniela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha pit de 2 anos apos envenenamento (bola) passou a ter crises, sendo uma a cada 30 dias, porem desde ontem passou a ter diaria e os simtomas sao semelhantes ao seu. Boa sorte!!

      Excluir
  8. Estou passando pelo mesmo problema,tenho uma pastor alemão de 10 anos que há 5 dias começou a ter convulsões, se debater no chão , babar e chorar.Foi desesperador, minha família e eu sofremos muito,chegamos a pensar que ela estava envenenada,a gente dava remédio p isso e pioráva.Chamamos o veterinário que diagnosticou a doença, ela esta melhor com os remédios ,mas não mais a cadela manhosa e que latia de antes,O nome dela é Cissa,e nunca pensei que todos nós iríamos sofrer tanto por ela.Estamos dando gardenal , mas será que ela ficará com sequelas? Obrigada pelo site. Jana

    ResponderExcluir
  9. Meu cão Maylon está bem melhor, não teve mais crise convulsiva. O gardenal demorou para faze efeito, mas depois que começamos a dar o diazepam 5 mg (junto com o gardenal de 12/12 horas) as crises pararam. Ele estava muito ansioso, e o diazepam o deixou tranquilo. O cao não fica com sequelas não, mas precisa de um tempo de adaptação para que o gardenal faça efeito. O ideal é descobrir a causa. O meu cachorro caiu e começou a ter as crises,tinha 3-4 por dia e agora não tem mais não graças a DEUS.Boa sorte para todos. Acreditem em DEUS e tudo dará certo, que JESUS ilumine todos os veterinários para que possam descobrir e tratar as enfermidades dos nossos amigos. E lembre-se Primeiro está DEUS nosso pai, segundo São Lázaro que é o Santo dos animais e em terceiro os veterinário.

    ResponderExcluir
  10. gostaria de saber uma coisa, não sei se alguem pode me ajudar eu tive uma cachorra que tinha epilepisia mas o vet falou que não era bom dar rémedio no começo passado aproximadamente 8 meses ela começou, acredito eu, a ter crizes so que eu comecei a confundir com outras coisas, em razão de que apareciam vomitos pequenos no sofá da casa e na cama, porém quando veio a crise forte, que ficou um dia inteiro e foi levada logo na primeira crise de manha a o vet só medicou o gardenal que não adiantou muito e ficou tendo varias crises mesmo sendo levada 4 vezes no vet não mudou muito e teve uma paracardiaca de madrugada e faleceu, gostaria de saber se ele pode ter medicado com um remedio mais especifico

    ResponderExcluir
  11. Olá! bem...a minha cachorrinha quando começou a ter crises, os médicos logo a medicaram com Gardenal e fizeram um hemograma que mostrou tudo normal, mas quando medimos a glicose constatamos que estava abaixo do normal. Daí por diante foi preciso ficar medindo a glicose todos os dias. A médico me deu umas ampolas de diazepan para aplicar no reto durante as crises. Ela ganhou peso e as crises tornaram-se mais frequentes. Diante disso tudo procurei a medicina alternativa, agora além da medicação, ela tá fazendo acupuntura que é MUITO BOM! As crises são mais leves, e já chegou a ficar 25 dias sem crise! Um sucesso. Acho que o seu médico veterinário não foi muito bom, pois se o cão ficou um dia todo tendo crise, deveria ter ficado internado tomando medicação na veia até controlar as crises.... ter feito um melhor acompanhamneto do animal!
    Cecília- BSB

    ResponderExcluir
  12. Cecília querida, eu estou a 1 ano e 3 meses lutando com meu teddy, ele começou a ter crise com 4 anos, hoje tem 5 anos e 3 meses, toma gardenal e brometo e ainda tem crises, a ultima foi muito forte, fora a alergia que ele tem da medicaçao, diazepan? ajudaria tbém?
    engraçado que as crises dele ocorrem quase sempre no mesmo horário, meio dia, pouco antes de almoçar.
    Obrigada!
    obrigada!

    ResponderExcluir
  13. Oi Cecília! Bom, teddy fez exames de sangue, e deu alteraçao hepática, a vet explicou que é por causa do gardenal, diminuimos o gardenal e alteraçao diminui do novo exame, só que voltamos a aumentar o gardenal, porque so com o brometo ele as crises aumentaram, hoje ela faz uso de 80mg de gardenal, e 200mg de brometo, mais homeopatia, e esse mes teve 3 crises, isso ha um ano e 3 meses, 95% das crises ocorrem no mesmo espaçamento de tempo, e no mesmo lugar, pouco antes dele receber seu almoço, em baixo da mesa, é ali que ela acontece e 95% entre 11:45 ao 12:00.
    Não sei mais qual recurso recorer.
    Obrigada querida! existe outros anti convulsivos que eu poderia tentar? teddy é muito ansioso e muito medroso, tem muito medo de ficar soinho.

    ResponderExcluir
  14. Meu cachorro é um poodle, e ele tem epilepsia,toda uma gota de gardenal todos os dias, mais fico preocupada, mesmo com o remédio, as vezes da crise, semana passada deu duas crises mesmo com o remédio, o que devo fazer? o veterinario falou para aumentar a dose mais tenho medo de ficar dando tanto remédio.

    ResponderExcluir
  15. Minha filhota é uma podlle chama-se Luna tem dois anos, desde um ano de vida tem convulsoes,toma medicamento rigorasamente,mas assim tem crises ,hje ela toma 100mg de gardenal dividido 12h 12,e agora depois de tres crises recente,o veterinario acrescentou episol 100mg em 12h 12,fico muito triste quando ela tem crise,fico ate sem dormir a noite, pq sempre acontece a noite.procuro sempre ler sobre este assunto.Gostaria muito q isto tivesse cura.

    ResponderExcluir
  16. minha cachorra tbm tem crises d convulçao...as convulçoes dao aproximandamente a cada dois meses...ela começou ter convulção nesta sexta feira de noite...e a cada 1 hora dava ..ateh domingo de meio dia.ela machucou tanto a lingua com as convulçoes...q perdeu 70% dela na frente e no lado direito...dai eu levei ela p o veterinario ele indico gardenal 50g..eu naum queria da remedio..pq ataca o figado...mas infelizmente eh a ultima alternativa...espero q pare de dar.amo mto minha cachorra...ela eh minha melhor amiga, minha companheira.. :(

    ResponderExcluir
  17. Não pense assim1 Pense que felizmente tem um medicamento que a deixará praticamente normal de novo!! bjks

    ResponderExcluir
  18. Oi.

    Tenho um pinsher, com 50 dias de vida!
    Ele caiu da cama, deu traumatismo craniano encefálico.
    Faz uso do gardenal, 3 gotas a cada 12 horas e Diazepan em caso de crises.

    As crises dele são intensas, cerca de duas a três por dia, mas ele caiu no sábado(07/05/2011), e até então tomando o gardenal.

    Notei que apos as crises, ele fica mais agitado mesmo apos tomar Diazepan intra retal.

    Isso é normal? Meu PET vai ter essas crises cessadas? Ele não me deixa dormir, todo dia 04 horas da manha tou de pé com ele desesperado na casa! ;/

    Att,

    Mickaelson

    ResponderExcluir
  19. A minha cachorrinha poodle tem 6 meses esta tendo convulções e ficou sega, o medico receitou gardenal para ele e um colirio, mas ela não voltou a enxergar, será que tem volta?

    ResponderExcluir
  20. ola galera tenho um yok de um ano e meio e essa semana começou a ter um ataque parecido com esses quevcs falaram. estou muito preocupada,ele se contorsse todo fica torto e urina nele mesmo passaalgunsminutos ele volta ao normal mas fica muito quieto. ja teve duas crises no mesmo dia , levei ao veter e lele nao deu diagnostico mas começou a tomar o barbital para ver se melhora se melhorar e por que ta com epilepsia me ajudem ......

    ResponderExcluir
  21. Oi, meu nome é cristina, tenho um cadela rottwailler, que se chama dalila..ela tem 1 ano e 7 meses...ela é epletica,com seis meses começou a primeira crise,ela toma gardenal 100mg...so que ela continua tendo crise fortes dia 11 de setembro ela teve 9 crise e tomando gardenal a cada crise..nao sei mais o que fazer para ajudar o meu bichinho..por favor me ajuda
    sera que o gardenal nao faz mais efeito...
    me da uma dica ...estou esperando as a sua resposta anciosa....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fala com o veterinário dr. rodolfo voll em poa e associa o brometo e potássio ao fenobarbital!!

      Excluir
  22. O meu cãozinho poodle de 6 meses,começou nesse domingo uns ataques epiléticos,começou a babá e a se contorcer, correr de um lado para o outro.Batendo cabeça na parede e em tudo que estiver pela frente.O que eu posso fazer para ajudá-lo e a não se machucar,pois não temos dinheiro para leva-lo ao veterinário;e nós amamos muito ele!!Alessandra de Belford Roxo

    ResponderExcluir
  23. oi meu nome e lucas tenho uma cachorrinha chamada nina ela È uma sheepdog linda, aos 1ano e meio no dia 10/11/2011 ela começou a ficar agitada logo de manha umas 7:30 ,ela comessou a corre se batemdo nos moves e fazemdo sempre o mesmo percusso por demto de casa ,ate que ela caiu deitada i comessou a se bater como se estiverse tomando um choque e comesou a espumar ,eu fiquei sem reaçao nao sabia o que fazer a te que ela aos poucos comesou a se acauma, mais durante uns 15 ou 20 minutos ela ficou sem reconheser ninque mais aus pouquinhos ela foi se lenbrando foi em tao que eu fui atas de um veterinario quando eu comtei a ele ,ele disse que ela tinha epilepicia e que ela teria que comesar a tomar gardenau ate ai ne 1a tudo bem so que ele disse que iria levar a reseita la em casa no outro dia,mais no outro dia eu esperei ele e le nao levou uns 3dias depois ,ela sen tomar o remedio teve outra crise mais uma veis nao sabia oque fazer no mesmo dia eu procurei o veterinario na crinica dele i pegei a reseita e comprei o remedio ,graças a deus ela nunca mais teve crise ,mais eu pesebir os pelos dela embolado,pois a mosa da tosa deu banho e nao pentiou ,ai mudei de crinica vet e a outra munher da tosa disse que teria que raspar os pelos dela todinho pois tava embarasado muito perto da pele dera i que se fossase para dessembarasar póderia causar um probrema de pele emtao eu autorizei a toza compreta dera mais mesmo assim ela comtinua linda ,
    eu sou um menino de 16 anos e sou um apachonado por cachorros ,chau e ate mais

    ResponderExcluir
  24. alessandra o veterinario nao e tao caro a comssuta e mais ou menos 50 i os remedios tambem nao sao caros sao mais ou menos de 5,00 a 10.00 reais o nome e gardenau mais para peger o remedio vc tem que levaro ao veterinario para ele fazer a comsutra e pasar a reseita .

    ResponderExcluir
  25. Olá, também tenho um cachorro que ainda no dia 26 deste mês,descobrimos que ele tem epilepsia.Foi apavorante ver nosso cão Snoopy sofrendo um ataque epiletico. Levamos ele ao veterinario e a médica passou Muricalmi para ser tomado duas vezes ao dia.Mais me preocupa que ele volte a ter um novo ataque.Torcemos para que isso não ocorra novamente.

    ResponderExcluir
  26. Meu cãozinho chamado Pingo teve no dia 28/12/11, das 23:30hs até às 10hs da manhã crises de epilepsia, pensei que ele ia morrer, a veterinária aplicou gardenal e sedou ele, mas disse que era gravíssimo o estado dele, ele hoje têm 11 anos, mas ele saiu da crise e sem sequelas, como pensavamos, até a médica Dr. Paula achou incrível, mas ele veio pra casa ontem(09/01/12) mas está tomando 25mg de gadernal uma vez ao dia e organoneurocerebral e remédio para o fígado, mas ele dorme pela manhã e durante o dia e á noite fica rodando em volta do carro na garagem e não deixa chegarmos perto,parece que tem medo, não está nos reconhecendo, isso me deixa muito triste, ele era muito alegre e festivo quando chegávamos. Será que está errado o tratamento, será que esse comportamento arredio, desconfiado e ficar rodando durante horas sem parar, apesar que es´ta comendo muito, mas não está evacuando. Ajude-me. Lucia Matos

    ResponderExcluir
  27. Olá,tenho um lhasa apso,Dimmy de 3 anos que sofre de eplepsia idiopática,diagnosticado a 1 ano. Desde então tem crises bastante fortes com intervalos que variam de 3 meses chegando até a 1 mês.Durante o periodo de crise tem várias convulsões q na maioria das vezes só sessam com medicação intravenosa,necessitando assim de internação. Atualmente ele esta sendo medicado com fenobarbital 50mg 12X12 horas e Brometo de Potássio 220mg 1ml a cada 24 horas,mesmo assim continua a apresentar crises. Realmente é uma situação horrivel tanto para nós propietarios,que vemos nossos bichinhos sofrerem como também para eles q após a crise ficam muito assustados. Mas tenho fé de que a dosagem exata será encontrada e que ele ficará livre dessas crises.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite! tenho um vira lata, que recolhi da rua com um mês e meio de vida. Bob fará 5 anos em agosto e a dois anos sofre de epilepsia e toma gardenal de 100 mg , ou seja 1 comprimido e meio a cada 12 horas e brometo de potássio 576mg. Apesar de controlado, as vezes ele tem as crises. Fez exame de sangue para medir a dosagem no fígado, estou aguardando o resultado. Também tenho fé, que com a nova dosagem a doença será controlada. Parabéns pelo blog!

      Excluir
  28. ola meu nome eh Claudete

    Nossa como doi ver nossos animaizinhos sofrendo assim,tenho um pit bull e faz 3 dias que começou a ter convulsões fico desesperada pq meu Filho de coração tbm tem ja faz oito anos que estamos em luta com ele e agora meu cão. o q faço Daniela ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pOIS É cLAUDETE, INFELISMENTE SOFREMOS MTO EM VER NOSSOS BICHINHOS SOFREREM ASSIM.... TENHO UMA CADELA LINDA, UMA GOLDEN RETRIEVER Q SE CHAMA lAIKA, HÁ +- 1 ANO E MEIO COMEÇOU A APRESENTAR ESSES QUADROS DE CONVULSÃO, TOMA 100MG DE MANHA E 100 MG DE NOITE, MAS AINDA DE VEZ EM QDO TEM CRISES, O NEUROLOGISTA DELA DIZ Q O GARDENAL ELE NAO FAZ MILAGRE, ELE AJUDA A EVITAR AS CRISES, A MESMA COISA NÓS QDO TEMOS PRESSAO ALTA, TOMAMOS O REMEDIO P CONTROLA-LA, MAS INFELISMENTE AINDA PODEMOS TE-LA ALTA ALGUMAS VEZES... HJ MESMO ELA TEVE UMA CRISE FORTE... FOI MTO TRISTE ESTAVA NO PORTÃO VARRENDO A CALÇADA E ELA COMO SEMPRE MINHA COMPANHEIRA ESTAVA AO MEU LADO E COMEÇOU A DAR NA CALÇADA, DEMOROU P PASSAR E QDO VOLTOU COMEÇOU A IR P O MEIO DA RUA DESORIENTADA, QDO ELA VOLTA EM SI ELA FICA NERVOSA, E EU NO MEIO DA RUA CHORANDO PEDINDO P OS CARROS DESVIAREM,AI MEU DEUS COMO DÓI.... CADA CRISE Q ELA TEM O CORAÇÃO APERTA + E+, MAS JA PESQUISEI MUITO JA VERIFIQUEI C ALGUNS VETERINARIOS A UNICA COISA Q ELES TEM A FAZER É CONTROLAR C GARDENAL E FAZER O EXAME DE CONTROLE DE FENOBARBITAL, MAS EU CREIO EM DEUS Q ISSO UM DIA IRÁ ACABAR. TENHA FÉ E MTA PACIENCIA... É O Q NOS RESTA , UM GRANDE ABRAÇO... ELISANGELA...

      Excluir
  29. Olá ,sou Nildete tenho uma cachorrinha q se chama Frida, ela tem 7 anos e na sexta ferira estávamos na sala quando de repente ela começou a se entortar toda, ficamos apavorados achávamos q ela ia morrer depois de uns 10 min deu mais forte. Ligamos pra veterinária dela mais ela disse que não sabe o q ocorreu realmente. Pode ter sedo uma crise epilética? Grata Nildete

    ResponderExcluir
  30. vcs nao estao so,tenho um guerreiro tbem ,e um poodle que hoje esta cego mas acredito que continua feliz,ele tem epilepsia desde 1 ano de idade hoje ele tem 15 e meio.

    ResponderExcluir
  31. Acabei de socorrer minha cachorra em mais uma de suas crises.. é a segunda de hj, infelizmente isso começou há 1 ano e meio, atualmente toma 200mg de gardenal, de 12/12 horas. Ela não tem tido regularmente, graças a Deus, mas ás vezes, acontecem.
    Lendo as postagens, pude me confortar em saber que não estou sozinha nessa luta, é muito triste ver nosso animal amado sofrendo essas convulsões. Vou conversar com o veterinário a respeito de exames, pois ela nunca fez nenhum, quem sabe o problema não é a ração, nunca me liguei nisso, de repente pode até ser a causa, devido a quem sabe, diabetes.
    Sonho com o dia q ela não sofra mais, pois a cada crise, as outras cachorras avançam sobre ela e ficam todas muito assustadas (inclusive eu), aí é aquela luta para separá-las e socorrer a Kika.

    ResponderExcluir
  32. Tenho uma Pit Bull de 1 ano e meio e ela tem crse desde 11 meses, dou 200mg de gardenal p/dia p ela dividido em 12/12h,mesmo assim ela tem crise a cada 10 dias,devo aumentar ou diminuir a quantidade de remédio?

    ResponderExcluir
  33. Tenho um lindo cachorro de 4 anos que há um mês apresentou a primeira crise e está em tratamento com o veterinário neurologista da UFMG, usando gardenal de 50mg (1/2) de 12/12hs.
    Após 15 dias de inicio do tratamento fez-se a dosagem sérica para ver se a dose estava adequada. Graças a Deus não apresentou crise até agora. Estamos investigando para tentar encontrar a causa...

    ResponderExcluir
  34. ola! prazer meu nome e cristiano sou de joão pessoa Paraiba descobri que meu cachorro de 2 anos tem convuções tudo começo ontem 02/07/12
    o veterinario passo (episol) queria mais detalhes sobre isso se puderem me responder deus abenções a vc meu E-mail
    Cristiano_dinho@hotmail.com

    ResponderExcluir
  35. minha poodle ta tendo convulsões 2 veses por dia. Moro em Lábrea sul do Amazonas aqui não tem veterinario oque eu faço?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ligue para algum veterinário da cidade mais proxima e explique a situação. porém acredito q terá q levá-la a um veterinário de qualquer maneira.

      Excluir
  36. ola e ai... eu tenho duas cachorrinhas que peguei na rua, a Nelsa e a Leninha. A Nelsa a mais velha é pretinha e alem da epilepsia ela tem displasia coxofemural. Para a epilepsia ela toma fenobarbital (gardenal) e para o displasia ela toma condroton. A nossa sorte foi o aparecimento da Leninha a segunda cachorrinha, ela e bem novinha é amarelinha e tem os olhos pretinhos, com o aparecimento dela a Nelsa ficou bem melhor, parece que a Leninha veio para ajudar e dar energia para a Nelsa, é impressionante isso, elas se divertem muito juntas, foram feitas para viverem juntas e me fazem tão bem. Existe algo mais a fazer referente a displasia ? Quem souber por favor me de uma força.... muito obrigado....

    ResponderExcluir
  37. Ola ... que boom compartilharmos isso ... meu filho tem 1 ano e meio, o nome dele é Marley, ele é um maltês ... a um mês atras ele teve sua primeira convulção .. ele caiu para o lado, e começou a bater as patinhas, babar e chorar ... foi horrível, pensei que fosse perde lo ... pensei que isso nunca mais fosse acontecer, mas agora pouco, ele teve de novo .. eu estava dormindo, e meu marido se arrumando para o trabalho ... foi a primeira vez que meu marido viiu, ele ficou desesperado, e eu procurei acalmar o Marley e ele .. desta vez o Marley não babou nem se bateu .. mas ficou caido, paralisado, e tristinho ... isso me parte o coração. a última vez que levei ele ao veterinário, antes da primeira convulsão .. ela me avisou que isso poderia acontecer, mas não falou nada sobre medicamentos ... pensei que não fosse preciso .. mas agora vejo que meu bebe tem que voltar ao veterinário, antes que as coisas piorem ... não posso nem pensar em perder meu pequeno .. entrem no meu face e vcs verão meu principe .. facebook.com/capooli ... beeeijos gente, muito obrigada!

    ResponderExcluir
  38. olá, tenho 5 cães um deles tem convulsoes tb mas foi por causa da sinomose que ele teve, estamos tentando ajustar a dose de fenobarbital começou com 50 mg e ja está com 75 mg, hj ele teve duas crises que duraram mais de uma hora, as convulspes dele não sao muito intensas mas sao mto duradouras, infelizmente ele teve que ser internado hj para tomar a medicação intravenosa. O veterinário me disse que a mdicação diminui o tempo de vida do cão e o meu caozinho que inclusive se chama Branco tem apenas 7 meses. Gostaria de saber se alguem sabe me dizer se a acupuntura funciona mesmo e qnto custa em média? Obrigada

    ResponderExcluir
  39. Olá, dia 19/09/2012 o meu Huskey Siberiano com 47 kg começou com tremores musculares na zona da cabeça... tem sido medicado para alguma possível infecção e com o fernobarbital... começou com 50 mg de 12/12h mas como passados dois dias voltou a ter as crises aumentamos para 75mg. Nas crises ele tem tremores musculares na zona da cabeça e agora tem tremores numa pata tb... e fica meio tonto e desiquilibrado chegando a perder a força nas patas traseiras... estou mt preocupada com o meu bebé ( tem 7 anos mas continua a ser um bebé para mim).

    ResponderExcluir
  40. Meu filho,um pinche chamado Rex, de 02 aninhos,teve hoje sua primeira convulsão. Assim que cheguei do trabalho, como sempre,fica muito alegre, com isto, muito agitado. Teve sua primeira crise, vomitou uma gosma verdeada, ficou se debatendo. Eu ajoelhei no chão e fui conversando com ele, tentando acalmá-lo. Levei-o correndo para seu veterinário. Que achou que poderia ser envenenamento ( que acho pouco provável) ou convulsão, receitou gadernal 3 gotinhas e fez uma imjeção para envenenamento. Não pude nem voltar para o trabalho, pois como a injeção dilata a pulila, ele ficou bobado, sem enxergar direito, choramingando. É horrível ver nosso filhotinho sofrer assim.Agora a ordem aqui em casa é: Não fazer festa para ele quando alguém chegar da rua. O Veterinário falou que eles ficam tão emiocionados que é normal ter crises convulsivas.

    ResponderExcluir
  41. Olá pessoal , sera que alguem pode me ajudar, meu cão e um dogue alemão de 9 meses, e sofre de epilepsia, estou tratando com um medicamento chamado episol, mas ele não esta respondendo ao tratamento, ele só dorme e não se aguenta em pe , pelo amor de deús me ajudem, pois amo muito meu cãosinho.

    ResponderExcluir
  42. Bom dia sou da Bahia. E infelizmente essa realidade é um fato,até confortável em saber que pessoas como eu passam por tal problemas.Como é difícil presenciar essas crises,e como eles dependem no nosso auxilio na hora da convulsão.
    Pegamos na casa de uma vizinha, q não sabia o que fazer, uma cadelinha podlle(Pérola),hj com 1ano de idade,com 4meses de vida ela apresentou um estado anormal,andava s batendo d um lado para o outro,parecia não enxegar a porta de vidro e o batente da casa,latindo como s estivesse nos chamando atenção p algo,assim ela ficou por 2 dias,sem comer,sem beber,sem evacuar..nada fazia,a não ser andar e latir.Levamos num vet. e foi diagnosticado epilepsia,sem aparente causa. Hoje administramos 15 gotas de Fernoctris, e ela pesa 5kl e 100gramas.Dizemos aqui em casa que ela é autista,pois não balança o rabo,é assustada,não brinca,enfim,tem o mundo dela.O curioso é que ela continua dando as crises,cada vez pior,as crises intercalam,as vezes fica 15 dias bem,em outros,chaga dias que dar 5 num dia só...hj lendo os comentários de vcs,vejo que o q fiz foi errado,aumentamos de 13 para 15 gotas,devido as crises constantes. Preciso saber: é normal essas crises mesmo tomando o Gardenal? Estaremos levando ela p o vet.precisamos saber mais,fazer uma tomografia,saber a causa dessas crises. Obrigada! Bjs!

    ResponderExcluir
  43. Olá meu nome é Abner, Temos uma cachorra chamada mel ela é linda e muito ligada a minha mãe, infelizmente depois da gravidez ela começou ter ataques epileticos, atualmente ela toma 40 gotas de gardenal 8 em 8 horas, estamos preocupados com a gestação porém ela está recebendo todo cuidado veterinário possível.
    Fico feliz em saber que como aqui em casa há pessoas que olham para os seus animais com muito carinho..
    um abraço

    ResponderExcluir
  44. Olá, eu tenho um pastor alemão o Thor, que infelismente desde o 1 ano e seis meses de idade ele tem ataques epileticos (hoje ele esta com 5 anos e meio) em sequela da cinomose, pois infelismente com 8 meses de idade eu e meu marido começamos a pagar um adestrador para adestrá-lo, e davamos dinheiro pra ele levar o Thor tomar as vacinas, porém das 4 doses que eram necessárias ele levou tomar apenas 1, nós pediamos o comprovante da vacina pra ele e ele dizia que havia esquecido e que depois levaria, assim os dias foram passando e derrepente um dia a noite eu levei o maior susto, pois não sabia o que era aquilo que o meu "filho" estava tendo, enquanto meu marido segurava ele (pois se debatia muito), liguei desesperada chorando para o vet. que prontamente correu na minha casa as 23:30 da noite.De imediato o vet nos indicou a apenas observar se ele não teria novas crises, mas depois de 2 meses surgiram crises cada mais mais violentas, até o dia que deu desde as 8 da manhã até as 11 da noite, uma noite terrivel, achei que eu fosse perde-lo, o vet receitou o gardenal que ele toma até hoje, no inicio ele tomava apenas 1 de manhã 100mg, hoje porém ele toma 2 de manhã e 1 noite,no total de 300mg por dia. Mas GRAÇAS A DEUS a crises praticamente sumiram, ele tem uma vez por mes no maximo. Devido a esse probleminha dele meu marido e eu não viajamos pra lugar nenhum, pois não confiamos em pedir pra ninguem medica-lo, pois sabemos que ele tem hora pra tomar, e tbm temos medo dele ter algum ataque e não estarmos presente para acalma-lo. Porém ficar sem viajar não me faz falta nenhuma, amo demais meu "filho" Thor, prefiro ele que qualquer viagem...

    ResponderExcluir
  45. Minha filha, a Mel tem 8 anos de idade e sofre de epilepsia há uns 3 anos. Conversamos com a veterinária quando começou a dar e ela disse que era bom entrar com a medicação só se os ataques se tornassem frequentes. Há 15 dias ela teve cerca de 15 convulsões durante a madrugada e não nos reconheceu mais! entramos com o gardenal e o aldol a noite, porque ela estava agitada demais, mas ela ficou extremamente debilitada e acabou ficando internada! descobrimos que ela tem problema no coração, no fígado, além do problema no cérebro (ela teve TCE aos 3 anos de idade). Agora ela está em casa, mas está sem andar (usando fraldinhas), está sem defecar, precisa de ajuda pra comer e beber água e tem ficado MUITO agitada... precisa de observação e cuidados 24hs por dia e está sendo bem difícil... alguém sabe se acupuntura ajuda e a média de preço? por favor, estou muito desesperada...

    ResponderExcluir
  46. meu caozinho é um buldog frances de 11 meses,e a 2 dias ele teve uma crise convulsiva,a primeira e espero ser a ultima,ele sempre foi muito saudavel,alegre,e nao sei como isso aconteceu.acordei com ele se debatendo e todo contraido,ele nao conseguia ficar em´pé..peguei ele no colo e ele foi melhorando..no dia anterior levei o para cortar as unhas e deixei ele no pet,ele tremia tanto,que eu nao queria deixa lo..vi o qto ele ficou tenso..ele me segue o dia todomoramos nos dois e o trato como um filho...sera que isso tem alguma relaçao?levei ela ao vet que indicou gardenal 12 em 12 hs,10 gotas..agora ele esta dormindo o tempo todo ,isso me da uma vontade de chorar,pois meu filho era tao alegre..liguei para o vet e ele mandou eu diminuir pra 6 gotas..na proxima semana faremos eleto e ecocardiograma mais rx torax..estou muito mal,ainda bem q estou de ferias..nao deixo ele sozinho nem um minuto,tenho medo de nao estar perto para ajuda lo..chorando..nunca pensei que isso fosse acontecer,nunca senti esse amor antes..estou muito mal com isso..me ajudem..

    ResponderExcluir
  47. Olá, tenho um filhote de bulldog frances de 4meses q começou a algumas semanas apresentar convulsões. Ontem ela teve 8 episodeos dentro de 24 horas. Ela ja esta fazendo tratamento com fenobarbital, fizemos uma tonelada de exames e não encontraram a causa. Acredito que a dosagem esta insuficiente, estou desesperada, doi o coração ver o bichinho assim. Acabei de voltar do vet. ele aumentou a dose e vamos observar a reação.

    ResponderExcluir
  48. Ola meu nome é magali tenho um york ele tem 1 ano e 2 meses ele teve o primeiro atak quando tinha 8 meses ele tem 3 kilos e toma 10 gotas de gardenal mas mesmo assim tem atak epileticos não sei mais o que fazer ....

    ResponderExcluir
  49. Olá, tenho um maltês, de 2,5KG, com 6 anos que começou a ter epilepsia faz uns meses. Comecei o tratamento com gardenal, estou aumentando cada vez mais a dose (atualmente ele está tomando 4 gotas de manhã e 3 de noite) e não tem forma dele melhorar. Ele passa dias sem ter, e depois tem crises e tem 3-5 ataques em menos de 24 horas. Os ataques são fortes e ele perde consciência, esvazia a bexiga, se morde e se bate (temos que segurar pq ele se bate muito forte) e perde os movimentos da pata traseira. Estou desesperada. Estou viajando e volto só dia 25 de março e ele está com a minha mãe, e tenho medo de aconteça algo com ele e ele não resista. Alguém sabe me informar um nome excelente para encontrar o diagnóstico disso e tratar? Pq não sei a razão disso (já foi feito ecografia e exame de sangue) e não aparece nada. Me indicaram que eu deveria fazer tomografia, o que vc acha? A questão é que não posso nem imaginar em perder ele. Ele é meu maior companheiro. Se puderes me ajudar, por favor, responda para rluciana0@gmail.com (sou de caxias do sul) agradeço qualquer ajuda ou orientação. Estou desesperada.... :-((( Obrigada Luciana

    ResponderExcluir
  50. Bom, galera, tenho um cachorro com raça indefinida,o nome dele é FÊNIX, ele tem 6 anos, e ele sofre muito, pois acho que ele tem eplepsia, e além disso tem uma doença que o seu coração é aumentado, a 1 ano atrás ele não conseguia comer nada, fui no veterinário e ele disse que não tinha uma cura, era só proporcionar um resto de vida melhor para ele, hj em dia ele come em pé, improvisei uma cadeira e coloquei a ração em cima, assim ele consegue comer, a falando nisso, além de todos esses problemas, ele também vomita muito, algo em torno de 2 vezes por dia, está magro e meio deprimido, as vezes acho que seria melhor se ele se fosse de uma vez, assim não sentiria mais dor. Mas sabe gente eu gosto muito dele, pois tenho 15 anos, então cresci com ele, vejo todo dia como ele luta e não deve ser fácil para ele passar por isso, então eu cuido dele né, mais é difícil, sinto muita dó dele, mais eu gosto muito dele, por isso resolvi compartilhar isso com vocês, porque eu também faço parte desse grupo de pessoas que tem cachorros especiais

    ResponderExcluir
  51. Olá colegas! Tenho uma poodle de 8 anos, a Branquinha, que apresentou a primeira convulsão em janeiro deste ano (2013), e a partir daí, já foram 6 convulsões (neste sábado passado foi o último). A cada convulsão, vamos aumentando a dose do gardenal. Ainda não foi introduzido outro medicamento. Vi pelos comentários anteriores, que alguns veterinários introduzem o Brometo de Potássio. Vou conversar com a veterinária dela pra saber se isso poderia se aplicar ao meu bichinho... porque eu simplesmente não suporto ver as crises convulsivas. Acho que fico pior que ela (iniciei até uma terapia pra tentar me conter nesses momentos, porque eu realmente fico muito nervosa).Apesar de não ser bom que tantos cachorros tenham esse tipo de problema, acalma-me saber que não estou sozinha nessa.... Paz e Bem a todos!! (Elaine)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcio porque você não tenta a opinião de um outro veterinário. A minha cachorra vomitava muito até que um veterinário observou que além de todos os problemas de saúde ela tinha também problema de estoma. No começo ela tomou algumas injeções de ranitidina depois que parou de vomitar continuou o tratamento com omeprazol, hoje ela esta bem não vomita mais.

      Excluir
  52. Olá colegas! Tenho uma poodle de 8 anos, a Branquinha, que apresentou a primeira convulsão em janeiro deste ano (2013), e a partir daí, já foram 6 convulsões (neste sábado passado foi o último). A cada convulsão, vamos aumentando a dose do gardenal. Ainda não foi introduzido outro medicamento. Vi pelos comentários anteriores, que alguns veterinários introduzem o Brometo de Potássio. Vou conversar com a veterinária dela pra saber se isso poderia se aplicar ao meu bichinho... porque eu simplesmente não suporto ver as crises convulsivas. Acho que fico pior que ela (iniciei até uma terapia pra tentar me conter nesses momentos, porque eu realmente fico muito nervosa).Apesar de não ser bom que tantos cachorros tenham esse tipo de problema, acalma-me saber que não estou sozinha nessa.... Paz e Bem a todos!! (Elaine)

    ResponderExcluir
  53. Olá! Tenho uma pinscher de 8 meses, e esta semana ele teve um ataque, não sei direito o que é..tenho medo dela morrer pois é muito pequena e ela grita mto de dor quando acontece!! O que eu faço ela nunca teve isso antes, ela é muito estressada..será que isso piora?

    ResponderExcluir
  54. Olá Cecilia, parabéns pela vontade de aprender mais sobre o problema do seu cão para assim poder trata-lo melhor...muitos donos não se preocupam com isto e os animais sempre sofrem muito...ha 20 dias eu resgatei da rua uma Rottweiler de mais ou menos um ano tendo convulsoes terriveis a cada duas horas, estava coma boca toda cortada e com um dos caninos quebrados na ponta tamanha a violencia que se debatia....o dono abandonou o animal na rua provavelmente por não querer assumir a responsabilidade que é ter um cão com epilepsia...enfim, estou medicando ela com 150mg de fenobarbital e 500mg de brometo de potassio diariamente e ela ja esta 90% melhor...uma convulsao branda a cada semana...vou agora tentar exames mais minuciosos para ver se achamos a causa da epilepsia...Boa sorte a todos que se prontificam a cuidar de um animal em condições especias...além da grande honra Deus irá lhe retribuir com toda certeza.

    ResponderExcluir
  55. Que triste, uma das minhas cachorras está com epilepsia, uma tristeza, ela late, tenta correr, mas não consegue, acaba caindo, está tomando Gardenal e Nootron, tomara que ela melhore...

    ResponderExcluir
  56. Estou muito triste pois minha cachorrinha pintcher deu cria de tres lindas cachorrinhas mas ela está tendo convulsões...acho né...ela está muito fraca.... e fica caindo... será que posso dar o fenobarbital para ela..... ela ja tomava antes...mas agora com as filhotinhas estou com medo........ o que fazer.....posso continuar com a medicação ou fará mal as crias dela????

    ResponderExcluir
  57. Ola... tenho um pittbul chamado Thody com 6 anos de idade, ele tem crise convulsiva desde 1 ano. Ele esta tomando gardenal 100 mg a cada 12 horas e toma Brometo de Potássio a noite. Ele costuma ter crises a cada mês mais ou menos, e quando acontecem as crises, ele tem umas 3 crises num período de 2 dias, depois passa mais de mês sem crise. Mas todas as vezes que ele tem as crises, sofremos muito junto com ele. Esse fim de semana ele teve 1 crise as 18:00 horas do sábado, no domingo teve outra crise as 17:00 e depois teve a última as 21:00. e quando isso acontece, ele fica fraco e meio depressivo por uns 2 dias, depois ele volta ao normal. Ele é nossa alegria. Não vivemos sem ele. Marli XAvier

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...